sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

Ainda no Vale do Torno

Não almejo despertar convicção. Almejo estimular o pensamento e perturbar preconceitos.
(Sigmund Freud)
-----------------------------

Continuo no Vale do Torno, onde há ainda poucos anos era impensável fazer esta fotografia em finais de Novembro.


- Os medronhos espalhados pelo chão -



- Porquê? - perguntarão.
A resposta é simples. Nesta altura do ano, já não havia medronhos nas árvores, muito menos no chão. Logo que amadureciam, eram apanhados para fazer a célebre aguardente de medronho pela qual o Vale do Torno era sobejamente conhecido.

Ali, lembrei-me do meu tio José Bento, homem bom e amigo, que frequentemente visitávamos. Lembro-me de o ver descer as escadas alegremente e dirigir-se à adega de sua casa, chamando o meu marido,  para lhe mostrar o produção do ano.
Era inevitável.  O Fernando não saía sem uma garrafinha da excelente medronheira que fazia.


- A casa onde viviam o tio José Bento e a tia Deolinda -


 E agora, que já não está entre nós, recordo com saudade o ti Zé Bento e  a tia Deolinda, ao fundo das escadas junto ao largo, ternurentos de lágrima rolando pela face, acenando-nos e dizendo:
- Vão com Deus, filhinhos.



- O medronheiro na povoação, mesmo à beirinha da estrada -


E ali, naquela povoação de gente tão afável, continuava a recordar.  Por instantes,  ali permaneci fotografando os medronheiros carregados, e pensando que os medronhos na árvore eram mais um sinal da desertificação das pequenas aldeias da serra do Açor.






Obrigada pela sua visita. Volte sempre.

2 comentários:

Joaquim Angelo disse...

São esses carinhos que os nossos antepassados, e amigos, do coração que nos deixam agarrados as raízes ao ´sitio onde nascemos...E também os familiares...

Sandra disse...

Venha conhecer o Natal na minha terra.

Te espero lá na minha terra para compartilhar comigo, este momento magico do Natal.

Cada um de nós traz um pouco da historia.Venha conhecer o meu Natal luz.Estou participanco da coletiva da Suzana.Venha para o blo: http://sandrarandrade7.blogspot.com

o convite esta feito para conhecer o Natal em Minha aldeira( Na minha Terra).
Venha te espero.
SandraVim conferir o seu natal.
Estou participando da coletiva também.
Te espero lá na minha terra para compartilhar comigo, este momento magico do Natal.
Lindo o seu texto.
Cada um de nós traz um pouco da historia.Venha conhecer o meu Natal luz.Estou participanco da coletiva da Suzana.Venha para o blo: http://sandrarandrade7.blogspot.com

o convite esta feito para conhecer o Natal em Minha aldeira( Na minha Terra).
Venha te espero.
Sandra