terça-feira, 6 de abril de 2010

Caminhada na Serra

A natureza reservou para si tanta liberdade que não a podemos nunca penetrar completamente com o nosso saber e a nossa ciência
( Goethe )



Quando estou no Sobral Magro, tenho por hábito fazer algumas caminhadas. Desta vez, aproveitei para ir ver, no local, as obras de abertura da estrada, que há tempos aqui divulguei.
Comigo foi a Ana Teresa e, só não fizémos um percurso maior,  porque  sobre nós as nuvens pairavam ameançando a queda eminente de uma grande "carga de água", sobre nós.
Iniciámos a caminhada junto à Capela de São Domingos e deixámos para trás a aldeia.



Junto às alminhas do Soito, deixámos o caminho velho e seguimos por uma das várias estradas que os madeireiros construíram, para tirar a madeira das árvores ardidas na altura dos incêndios.



À  medida que subíamos, à nossa frente, a paisagem era esmagadora, de cortar a respiração.


Passámos vários outeiros e barrocas e, aos poucos, o Soito da Ruiva ficava mais perto de nós. Ao fundo os terrenos outrora cultivados e fervilhantes de vida,  agora  encontram-se desertos.


Continuando a subir, chegamos  à nascente da barroca do Vale da Fraga, uma das que tanta água forneceu  para regar os campos de cultivo.
E, finalmente chegamos ao Vale do Espinho, junto ao local onde se situa a nascente de água que serve o Sobral Magro.


Iniciámos então o percurso de regresso. Deixámos para trás o Soito da Ruiva,  tendo agora à nossa esquerda o Sobral Gordo.



Em  frente o Espinho e ao fundo, de novo o Sobral Magro que nos aguardava. E, assim percorremos a serra sob a ameaça da chuva que não chegou a cair.




Obrigada pela sua visita. Volte sempre.

8 comentários:

Flora Maria disse...

Que passeio maravilhoso, Lourdes !
Faz tempo que não subimos nossa montanha, aqui atrás da casa. É um percurso pequeno dentro da área do sítio, mas também temos uma bela vista da cidade e das montanhas.

Mas a sua paisagem... é de emocionar!
Beijo

Joaquim Angelo disse...

Reparem bem neste passeio em plena serra do Açôr...Que rico ar puro se respira por estas bandas.Bjs.

alfacinha disse...

deve ser um passeio marvilhoso e saudável, com só a natureza muito próxima. Cumprimentos de Antuérpia

Fernanda disse...

Querida amiga,

Belíssima reportagem fotográfica e bela caminhada.

Fiquei a conhecer um bocadinho de uma terra que não conhecia de todo.
Gostei muito.

Beijinhos
Querida amiga Ana,

Que poema mais lindo.
Espero também sentir o mesmo quando for velhinha.

Beijinhos

direitinho disse...

Passei por aqui e gostei do passeio.
Conservo uma memória da Serra do Açor que acho muito bonita e depois o Piodão. Parece um presépio incrustado na encosta da Serra.
Vou seguir-te para não perder nenhum destes passeios

Osvaldo disse...

Lourdes;
E que belo passeio pelas serras do interior do nosso belo país...

Que bom seria se o povo português se habituasse a caminhar por essas paisagens maravilhosas que Portugal nos oferece. Mas se o fizerem, que o façam com respeito pela natureza, para que todos possam usufruir dessas maravilhas.
bjs, Lourdes.
Osvaldo

M. Lourdes disse...

Flora Maria
Foi mesmo um óptimo e agradável passeio pois,á do alto, a paisagem é muito mais bonito.
Beijo

Joaquim
Este foi mesmo um passeio para encher os pulmões de ar puro.
Beijos

Alfacinha
É realmente maravilhosa a proximidade com a Natureza e os pulmões ganham muito com isso.
Beijos


É uma região semelhante ao Norte do país: serras, água, ar puro, mas falta a floresta que os vários incêndios devastaram.
Beijinhos

Luís
Fiquei contente por ter gostado do passeio e da minha região. O Piódão fica exactamente do outro lado da montanha.
Agradeço a visita e volte sempre. Tenho muito gosto em o ter no meu grupo de seguidores/amigos. Vou, já de seguida, passar pelo seu blog.
Beijinhos

Osvaldo
Sou da sua opinião. Tenho mesmo vontade de, nas férias do verão, incentivar as pessoas que normalmente ali estão de férias, a fazer caminhadas, utilizando os caminhos que antigamente se percorriam para irem para as suas terras de cultivo.
Beijinhos

hortense disse...

Vais repetir o passeio em Agosto comigo.
Porque não tiraste uma foto ao
Coicão?Fica também para Agosto

Beijinhos Hortense