terça-feira, 27 de abril de 2010

Almoço do 58º Aniversário da C. M. Sobral Magro

O presente é a sombra que se move separando o ontem do amanhã. Nela repousa a esperança.
(Frank Lloyd Wright)



No passado Domingo, um lindo dia de Primavera, estive num convívio com a família sobralmagrense e alguns amigos. A Comissão de Melhoramentos de Sobral Magro promoveu um almoço comemorativo  do 58º aniversário da sua fundação, na Quinta dos Girassóis em Fernão Ferro.



A Quinta é atravessada por um pequeno regato e tem locais pitorescos  por onde passeámos, enquanto aguardávamos a chegada dos nossos conterrâneos.


Aqui e além, juntavam-se grupos que aproveitavam o tempo de espera  para  "pôr a conversa em dia". Como nos encontramos  a residir espalhados pela região da grande Lisboa, estes convívios acabam sempre por proporcionar momentos muito agradáveis, onde podemos matar saudades uns dos outros e onde uma  alegre nostalgia  acaba por nos invadir, enquanto recordamos os tempos passados.
De vez em quando apareciam conterrâneos que há muito não encontrávamos. Então era a alegria geral e as recordações protagonizavam a conversa.


Contámos também com a simpática presença de delegações de povoações vizinhas. O Soito da Ruiva fez-se representar pela  Presidente da Direcção Teresa Neves, marido e filha  e o Vale do Torno também pela sua Presidente da Direcção Isabel Lourenço, Presidente da Assembleia Geral Carlos Lourenço e esposa.
Já com todos presentes e aproveitando o bom tempo que se fazia sentir,  iniciámos a refeição com os aperitivos que foram servidos no jardim da Quinta, onde continuou a confraternização.



Seguimos depois para o restaurante onde foi servido o almoço, após o qual o Sr. João de Carvalho, Presidente da Direcção da Comissão de Melhoramentos nossa aldeia, saudou todos os presentes, prestou os seus agradecimentos  e fez  uma saudação especial às agremiações congéneres que, numa atitude de grande amizade, marcaram a sua presença.



De seguida, foi apresentado um magnífico bolo oferecido pelos  proprietários da pastelaria O Pastelinho de Benfica. Estes nossos conterrâneos são uns excelentes colaboradores da nossa colectividade e sempre que a comissão realiza algum iniciativa, estão sempre disponíveis tanto para trabalhar como para ajudar a sua aldeia natal.


Cantaram-se os Parabéns à nossa Comissão, cujas velas foram apagadas pelo Sr. João. Enquanto se degustava uma fatia de bolo e uma taça de espumante, foram distribuídas pequenas lembranças alusivas à data.




Por ter estado envolvida neste evento, durante os últimos tempos, andei um pouco arredada das visitas e comentários nos blogues amigos. Até mesmo as postagens foram previamente agendadas e,  na medida do possível, fui tão assídua quanto me foi possível.
A partir de hoje, espero que tudo regresse à normalidade.



Obrigada pela sua visita. Volte sempre.




5 comentários:

Flora Maria disse...

Deve ter sido um dia maravilhoso, Lourdes, num local tão bonito e com a companhia de amigos dedicados a manter a união das aldeias.
Admiro muito esse trabalho de vocês !

A minha postagem da Lua Cheia deu uns problemas, tive que refazer e apagar, e o seu comentário eu salvei, mas para colocar na nova postagem, não saiu com o seu retrato. Desculpe a trapalhada, mas de vez em quando essas coisas acontecem comigo.

Beijo

alfacinha disse...

Um bom almoço sempre tem de acabar com um bolo delicioso, e as pastelarias em Portugal têm uma fama de ser excelente . Cumprimentos de Antuérpia

ELISABETE- disse...

minha linda como vai,acredite eu vou bem(agora)pq na madrugada de quinta,ai ai,nem le digo nem le conto.bom ja passou,agora é curar,evitar infecçoes e seguir em frente pois tenho uma semana e meia de recuperaçao para depois entrar com força ao trabalho.queria-lhe agradecer todo o carinho para comigo neste momento mais complicado.muitissimo obrigada.bjinho

Mariazita disse...

M. Lourdes
Imagino que deva ter sido um dia muito bem passado.
Um lugar aprazível, boas companhias, rever pessoas que há muito tempo se não viam...são os condimentos necessários para nos sentirmos felizes, e passar momentos muito agradáveis.
Para além disso é uma forma de promover os locais (aldeias, e não só...) que precisam de ajuda.
Gostei muito de ler.

Beijinhos

Acácio Moreira disse...

Olá Maria de Lourdes!
O convivio é uma coisa sempre muito saudavel. em especial quando vivido entre conterrâneos e amigos.
Fiquei surpreendido quando abri o seu blog e comecei a ver fotografias de um belo sítio que conheço muito bem. A Quinta dos Girasóis dos meus grandes amigos Joaquim Lourenço e Isabel Lourenço. Fizeram uma excelente escolha.
Um local onde normalmente almoço duas a três vezes por semana.
Beijo
Acácio Moreira