quarta-feira, 10 de março de 2010

Poesia da Lili Laranjo

A poesia é tudo o que há de íntimo em tudo.
( Victor  Hugo )

Nos blogues que sigo, alguns são dedicados à poesia. No dia 8, passeando por alguns deles, deparei com uma de que gostei particularmente e que, após solicitar a autorização da autora, vou partilhar com quem por aqui passar.
A autora chama-se  Lili Laranjo  e, no blog África em Poesia,  mostra-nos muitos outros belos poemas como este que me agradou bastante.


 

Dia da Mulher

Mulher que foi criança...
Mulher que foi menina...
E que rápidamente cresceu...
E quando cresceu...
Tornou-se mulher...
E aí o ser que é...
Mulher... Mulher...
Mulher... Mãe...
Mulher... Avó...
Mulher... Gente...
Porque ser Mulher...
É canalizar tudo...
Tudo e todos...
E tudo gira em seu redor
E quase sempre...
Julga-se insubstituível...
No trabalho... na organização...
Na estrutura do lar...
E a Mulher... esquece-se tantas vezes...
Que também é gente...
Que precisa de ser ela própria...
De viver...
De gostar de si...
E quando consegue...
Que isto aconteça...
Ela é verdadeiramente... Mulher!...

Espero que tenham gostado tanto quanto eu.


Obrigada pela sua visita. Volte sempre.

4 comentários:

AFRICA EM POESIA disse...

Vim deixar um beijo



Com frio
Com sol
Com vida
Com amor deixo...



SOL DE INVERNO



Está sol...
Sol envergonhado...
Sol frio...
Sol de inverno...
Mas... sol...
Como a vida...
Que muitas vezes é...
Vida fria...
Vida de inverno...
Vida... sem vida...
Mas... Vida...

LILI LARANJO

alfacinha disse...

Um dia da mulher !!! deve ser todos os dias .

Helena Teixeira disse...

Olá de novo Lourdes!
Óptima escolha os poemas da Lili.Já estive no blog África em Poesia e ela também já passou pelo blog www.clubedasmulheresbeiras.blogspot.com, daí fiquei fã dela e sempre que posso (mesmo que nao tenha tempo para deixar lá um comentário,confesso) leio com atenção os poemas :)

Jocas gordas
Lena

AFRICA EM POESIA disse...

m. loudes
É bom, depois de um dia de trabalho intenso com aulas...crianças e a apetecer dormir...Sentar-me para mais um trabalho . Pois tenho o meu livro de Pais e Mães para divulgar e tenho que perder umas horas aqui.
mesmo assim sento-me no sofá e delicio-me a ver este cantinho e estas histórias lindas

um beijo minha amiga.