quinta-feira, 15 de março de 2018

Linda-a-Velha

Vamos terminar a freguesia  de Algés, Linda-a-Velha e Cruz Quebrada - Dafundo, indo até Linda-a-Velha.


Esta antiga povoação fica  situada junto à parte mais elevada  de Algés e, no início do século XVIII,  era formada por cerca de 25 casas, algumas quintas e casais.
À entrada da povoação situa-se  a bela Quinta dos Aciprestes, cuja primeira referência data de 1254, data da concessão da então Herdade de Ninha de Ribamar.
Em 1374, D. Dinis doou a Quinta ao seu Tesoureiro-Mor, Pêro Salgado.


Com o passar dos anos, a Quinta voltou à posse da Coroa, devido a dívidas dos seus proprietários.
Mais tarde, foi doada a  D. José a Alexandre de Gusmão( irmão do padre Bartolomeu de Gusmão), que ali mandou construir um palacete que habitou ate 1753, ano da sua morte.
O terramoto de 1755 provocou grandes estragos no palácio que foi vendido, passando pela posse de várias figuras ilustres, com são os casos dos condes de Vila Real, de Rio Maior, da Ponte ...
Em 1865, a Quinta Grande encontrava-se na posse do Visconde de Rio Seco e  era local de Convívio  da alta sociedade portuguesa.


O  nome actual, Quinta dos Aciprestes, só  lhe foi colocado em meados do século XIX.
Actualmente, a Quinta dos Aciprestes é propriedade do Município de Oeiras e das antigas instalações  já só resta  a capela. O palácio mudou radicalmente, sob projecto do arquitecto Raul Lino  e foi cedido  à Fundação Marquês de Pombal, que aqui estabeleceu a sua sede.
A partir de  1955, Linda-a-Velha sofreu um grande desenvolvimento, quando  a construção atingiu grande parte dos terrenos dos arredores de Lisboa. 


Em Linda-a-Velha existia uma pequena ermida, mas após peditório público o povo mandou construir a Capela de Nossa Senhora do Cabo, (1780), bem como o adro e o Coreto. Em 1888, foi acrescentada uma sacristia e  casa de arrumação.
Com o alastramento das habitações,  a Capela passou a ser pequena  para todos os habitantes.
Em 1978, o Padre Manuel Martins fundou  a Igreja do Sagrado Coração de Jesus. Porém, em 1955, foi doado à Igreja um terreno e ali se construiu a Igreja  de Nossa Senhora do Cabo, uma Escola de Música e o Lar Padre Dehon.
Em 1983,  Linda-a-Velha passou a paróquia sendo o Padre Manuel Martins  o seu primeiro Pároco.



É ainda de referir a existência do velho Chafariz, construído no ano de 1821, onde pessoas e  animais  saciavam a sede e donde era canalizada a água que abastecia os tanques públicos. 





Obrigada pela sua presença. Volte sempre!

Sem comentários: