domingo, 19 de outubro de 2008

PELOS CAMINHOS DE PORTUGAL 4: MOSTEIRO DE ALCOBAÇA



Conhecer não é demonstrar nem explicar, é aceder à visão.
(Antoine de Saint-Exupéry)

§§§§§------§§§§§

Ainda andava a escrever sobre a minha recente viagem ao Egipto e já andava a programar o fim de semana, em que habitualmente vou a Fátima com um grupo de amigos, integrando a peregrinação dos profissionais de saúde.
Este ano fomos mais cedo e resolvemos fazer um pequeno desvio e ir até Alcobaça. Já lá não ia, desde a época em que para se ir para o Sobral Magro, tínhamos que por ali passar.


- O Castelo de Alcobaça, visto do Mosteiro -

Aproveitámos então, para visitar o Mosteiro de Alcobaça, onde apenas tinha ido numa visita de estudo quando ainda era criança.


- Fachada principal do Mosteiro -

O Mosteiro de Sta. Maria de Alcobaça é uma das mais importantes abadias da Ordem de Cister. Faz parte do Património da Humanidade e, em 7 de Julho de 2007, foi eleito uma das sete maravilhas de Portugal.


- Nave central da igreja -

A abadia começou a ser construída, em 1178.
Em 1308, D. Dinis mandou construir o Claustro do Silêncio e mais um piso. D. Manuel mandou também construir a Sacristia Manuelina.


- Entrada da Sacristia -


É no interior deste Mosteiro, que reposam os restos mortais daqueles que foram os portagonistas de uma das mais belas histórias de amor da história de Portugal: D. Pedro e D. Inês de Castro.




- Túmulo de D. Pedro -


Os seus túmulos são verdadeiras obras-primas de escultura tumular, ricamente trabalhados com cenas da vida de Cristo e do Juízo Final.




- Túmulo de D. Inês de Castro -

O Mosteiro possui muitos locais com bastante interesse. Eis alguns deles:
A Cozinha é uma ampla divisão revestida de azulejos. Possui uma chaminé central de grandes dimensões e um tanque que recebe a água de um braço do rio Alcoa.



- A Cozinha -

- O tanque com água do rio Alcoa -


Junto à cozinha fica situado o Refeitório, com um púlpito onde eram feitas leituras dos textos sagrados enquanto decorriam as refeições.

- O Refeitório -


Em frente do refeitório existe o Lavabo, com o seu tanque que recebe também água do Alcoa, onde se procediam às lavagens rituais.




- O Lavabo -



Do outro lado da cozinha existe a Sala dos Monges.



- A Sala dos Monges -


A Sala do Capítulo, é uma das dependências mais importantes da Abadia.
Neste local o monge principal lia um capítulo do livro da Regra de S. Bernardo, onde estavam escritas as regras de comportamento dos monges dentro do mosteiro.



- A sala do Capítulo -




Este é um dos muitos e belos monumentos que temos em Portugal e cuja visita recomendo.
Eis mais algumas fotos que achei interessantes.





- A Sala dos Reis -




- O Relógio de Sol -




- OAltar da Morte de S. Bernardo -


- Claustro dos Noviços do Cardeal -





- O Claustro de D. Dinis -

1 comentário:

Anónimo disse...

Obrigado por nos nostrares estas belas imagens da vida de Jesus são imagens que nós cristãos deviamos ter todos os dias na nossa mente e refletirmos.

Antonio Assunção (VOZ DO GOULINHO)

CPTS