segunda-feira, 11 de agosto de 2008

SOBRAL GORDO 3

Ser poeta é ser mais alto, é ser maior do que os homens!
( Florbela Espanca)



§§§§§------§§§§§

Hoje vou continuar no Sobral Gordo.
Deixo aqui um um soneto que um grande sobralgordense dedicou à sua aldeia:


SONETO PARA TI

Todos por ti suspiramos
Todos nós por ti vivemos
Todos nós te adoramos
Todos nós não te esquecemos

No teu regaço, escutamos
No teu dorso, nós erguemos
A chama por que lutamos
No teu futuro, nós cremos.

Tens tudo o que é de encanto
Tens luz, que ilumina a serra
Do Açor que te adora tanto...

Nese jardim que te enleia,
Os teus filhos são fino manto
De ti, Sobral Gordo, nossa aldeia.

Jaime Lopes





Sem comentários: