quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Praça do Comércio

No centro da cidade de Lisboa, vamos encontrar a mais imponente praça lisboeta: a Praça do Comércio, também conhecida por Terreiro do Paço. 
Como fica no local junto ao qual se situou  durante muitos anos o palácio real, é também conhecida por Terreiro do Paço.
Foi D. Manuel I trocou o Castelo de São Jorge pelo   Paço da Ribeira, situado num magnífico local à beira do Tejo. No entanto, o terramoto de 1755 destruiu o palácio  e  D. José I mudou a  residência da família real para a Ajuda. 
Do projeto do Marquês de Pombal para a reconstrução da Baixa Lisboeta, nasceu esta bonita praça. Tem ao centro a estátua equestre do rei D. José I  que ordenou a reconstrução da cidade.
É ladeada por um conjunto de edifícios com arcadas, onde atualmente funcionam alguns  ministérios, cafés e espaços culturais.

Situada à beira rio, foi ao longo dos tempos, uma excelente porta de entrada na cidade, mas  atualmente serve apenas de cais para os cacilheiros, deixando parte da zona ribeirinha para passeio público.
Do lado oposto ao rio, partem as principais ruas da Baixa mas destaca-se o  Arco Triunfal da Rua Augusta,  a mais bela dessas entradas.

Do arco fazem parte esculturas de algumas figuras  importantes do país, como são os casos de  Vasco da Gama, Marquês de Pombal, Nuno Álvares Pereira e outros,  ladeadas pelas representações dos rios Tejo e Douro. 
Sendo a mais bela praça  lisboeta, tornou-se  também a sala de visitas para quem visita a capital do país, sendo frequentemente usada para eventos culturais e espectáculos. 







Obrigada pela sua visita. Volte sempre.

Sem comentários: