quinta-feira, 3 de novembro de 2011

O tempo que faz

É sempre assim...
Se está calor, achamos que devia chover se chove, sentimo-nos  incomodados e protestamos.
Após algum tempo de seca, a chuva e o vento chegaram em força. Nestes últimos dias em que eu frequentemente me tive que me deslocar a Lisboa para fazer exames médicos a chuva não deu tréguas.
Foi assim ontem.
À chegada a  Lisboa o céu estava bastante escuro e ameaçava chuva.

Photobucket

A chuva que não se fez esperar e começou a cair  sobre a cidade.


Photobucket

Perto do hospital, "um pouco mais de Luz"...

Photobucket

De regresso o panorama piorou.

Photobucket

O céu escureceu cada vez  mais e a chuva caiu copiosamente sobre a margem sul.
Foi assim o resto do dia. Um dia de Outono mas que mais parecia de Inverno, o que me leva a acreditar que o nosso país vai ficar reduzido a duas estações.



Obrigada pela sua visita. Volte sempre.

3 comentários:

Artes e escritas disse...

Você acredita que o sul do Brasil vive dias iguais aos seus. A informação do tempo diz que a mínima será de 7ºC hoje à noite. Um abraço, Yayá.

Luis disse...

Minha Querida Amiga Mª de Lourdes,
É verdade que nunca estamos satisfeitos com o tempo... mas desta vez passamos dos 8 para os 80... e isso tem criado dificuldades acrescidas à crise que vivemos! Mas a culpa é do HOMEM que não aprende a respeitar o meio ambiente!!!
Muitos beijinhos Amigos e Solidários.

alfacinha disse...

Enquanto ali gozamos de sol e temperaturas mais que normais
cumprimentos de Antuérpia