quarta-feira, 1 de junho de 2016

Paris: Templos Religiosos

Sendo Paris uma cidade muito antiga, acompanhou o nascimento e ascensão do cristianismo e tem espalhadas pelas sua ruas algumas das mais belas igrejas e catedrais do Mundo.
Eis as que visitei na minha viagem a Paris.
-Sacré-Coeur
A Basílica do Sacré-Couer surge no alto dum monte num dos bairros mais emblemáticos e boémios de Paris, o Montmartre e foi construída no local onde se pensa ter sido decapitado São Diógenes de Paris, no século III.

A basílica tem forma de cruz grega, com 4 cúpulas. Na Capela-mor sobressai o teto onde Cristo domina toda abóbada.

- Catedral de Notre Dame


A Catedral de Notre Dame situa-se na praça Parvis, na pequena ilha de La Cité, rodeada pelas águas do Rio Sena e é edicada a Maria, Mãe de Jesus Cristo. 
É uma das mais antigas de estilo gótico em Paris e a sua construção deve-se ao bispo Maurice de Sully. Inicou-se em 1163, durante o reinado de Luis VII, no local onde existia uma outra igreja dedicada a Santo Estevão.

A catedral de Notre Dame, ao longo dos séculos, tem sido  o palco da maioria dos  acontecimentos mais  relevantes vividos na cidade: coroações, casamentos, velórios de pessoas influentes da história bem como  outros eventos importantes ali foram realizados.
Neste templo tudo é grandioso, mas do seu interior destaco a altura da abóbada  da nave central, as maravilhosas rosáceas e as várias obras de arte expostas.

Placa ponto zero
A catedral indica o centro geográfico da cidade. Uma pequena placa no solo marca o ponto zero a partir do qual se calculam as quilometragens das principais estradas.

- Saint Chapelle



A Sainte-Chapelle é um templo de estilo gótico que foi mandada construir por Luís IX (São Luís), para servir de capela ao palácio real. As suas obras foram  iniciadas em 1246 e concluídas em 1248. 



Como a Capela necessitava de santificação através de relíquias apropriadas, Luís IX comprou ao Imperador da Babilónia a coroa de espinhos de Cristo que ali ficaram depositadas.

Este templo é formado por duas capelas sobrepostas.  A superior  era reservada ao clero, aos nobres e  à família real e a inferior, mais simples, era destinada aos funcionários do palácio e outros moradores da cidade.

Neste espaço religioso destacam-se os extraordinários vitrais que revestem uma grande parte do templo.

Embora não me  tenha sido possível visitar o interior de mais nenhuma igreja, pude apreciar o exterior de várias outras. 

 -Igreja de Saint-Germain-l'Auxerrois

- Igreja de Saint-Louis-des-Invalides


 - Igreja de Saint Germain des Prés






Obrigada pela sua presença. Volte sempre.

1 comentário:

Luis Filipe Gomes disse...

Só faltou La Madeleine.