sábado, 26 de setembro de 2009

Morreu a Tia Benvinda




A morte ensina-nos a transitoriedade de todas as coisas.
(Leo Buscaglia)






Mal tinha chegado ao Sobral Magro e logo recebi a notícia do falecimento de outra pessoa amiga. As aldeias outrora fervilhantes de vida, estão cada vez mais desabitadas. Desta vez foi a tia Benvinda, natural do Espinho que trocou pelo Porto Silvado após o casamento.
Apesar de já estar doente há algum tempo, a sua morte foi inesperada pois ainda era uma pessoa relativamente nova, se tivermos em conta a esperança de vida actual.
Estive em Pomares para a acompanhar à sua última morada e manifestar o meu pesar à família.
Espero que Deus receba a tia Benvinda e que a sua alma descanse em paz.



Obrigada pela sua visita. Volte sempre.

Sem comentários: