sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Porque É Fim de Semana: Inviando Várzea Pequena Carvalhais

Porque é fim de semana, vamos agora partir à descoberta de mais algumas aldeias do concelho de Góis e freguesia de  Vila Nova do Ceira.
Sabe-se que há dez mil anos atrás, esta zona fazia parte dum lago pouco profundo que se estendia até Góis, protegido por um muro de rocha quartzítica, de que resta   o desfiladeiro da Candosa. Depois de secar, o lago deixou  terrenos carregados de sedimentos que ajudados pela irrigação do rio Ceira, originaram  os férteis solos da região. As localidades de hoje encontram-se situadas nessa mesma região.

Inviando


Esta localidade é uma das  aldeias localizadas nessa zona,  bem perto de Vila Nova do Ceira, na outra margem do rio .
Durante o século XIV e  XX, a aldeia era fértil na actividade agrícola e ainda hoje se encontram os campos cultivados e  grandes pomares em redor  das habitações. 
Não existe nenhuma capela na aldeia pois Inviando  encontra-se muito próxima da igreja da Várzea Grande (Vila Nova do Ceira). 

Carvalhais




Seguindo a estrada para a Várzea Pequena, um pouco antes  desta povoação, chegamos a Carvalhais.
Esta localidade é formada por  uma velha quinta, algumas casas de campo, mas a maior parte é constituída  por casas novas. 

Várzea Pequena




Segundo alguns estudiosos da história da região, a Igreja Paroquial dedicada a São Pedro, situava-se junto desta povoação. Ali têm aparecido várias ossadas e até um esqueleto completo,  comprovando ter ali existido uma igreja, local onde eram enterrados os defuntos.
Só em 1653 se começou a fazer serviço religioso na Capela de S. Sebastião, na Várzea Grande, que era  também conhecida por Várzea de São Sebastião.



Inicialmente a aldeia era conhecida por Várzea de Santa Isabel, possivelmente devido à construção dum templo em honra de Santa Isabel, após ter desaparecido a igreja antiga.  Só a partir de  1661 passou a chamar-se Várzea Pequena. 
A Capela de Santa Isabel foi alvo de obras em 1808 e reconstruída em 1936.





Obrigada pela sua presença. Volte sempre.



Sem comentários: